Giroil - Efeitos do psyllium sobre glicose e lipídeos séricos, em indivíduos com diabetes tipo 2 e hipercolesterolemia






Efeitos do psyllium sobre glicose e lipídeos séricos, em indivíduos com diabetes tipo 2 e hipercolesterolemia O consumo de fibras solúveis na dieta reduz a glicemia pós-prandial e a concentração sérica de colesterol. O psyllium é um exemplo de fibra solúvel. 
Anderson e colaboradores, da Universidade de Kentucky, nos Estados Unidos, realizaram um estudo que investigou os efeitos da administração de psyllium em indivíduos com diabetes mellitus tipo 2. O objetivo foi avaliar a segurança e a eficácia da fibra da casca de psyllium, utilizada como adjuvante à dieta tradicional, no tratamento de indivíduos com diabetes tipo 2 e hipercolesterolemia leve a moderada. 

Após 2 semanas de estabilização com dieta para diabéticos, os 34 participantes foram divididos aleatoriamente para receber 5,1 gramas de psyllium ou placebo (celulose), duas vezes ao dia, durante 8 semanas. Os níveis séricos de lipídeos e glicose foram avaliados ao longo do estudo. O grupo que recebeu psyllium apresentou melhora significativa nos perfis lipídico e glicêmico, quando comparado ao grupo placebo. As concentrações séricas de colesterol total e colesterol LDL no grupo tratado foram, respectivamente, 8,9% e 13,0% inferiores ao grupo placebo. As concentrações de glicose ao longo do dia e pós-prandiais foram 11% e 19,2% menores no grupo que ingeriu psyllium. Ambos os tratamentos foram bem tolerados. 

Não ocorreram eventos adversos graves relacionados ao tratamento em nenhum dos grupos. Estes achados mostram que a adição do psyllium à dieta tradicional de indivíduos com diabetes é segura, bem tolerada e melhora o controle glicêmico e lipídico de homens com diabetes mellitus tipo 2, associado a hipercolesterolemia. 

Fonte: American Journal of Clinical Nutrition, Volume 70, Issue 4, October 1999, Pages 466-73.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como preparar sementes de chia

CHIA – O Super Alimento

REFLUXO GÁSTRICO, AZIA E SEMENTES DE CHIA